VolanteSIC
Fechar

Os meus Carros

Comparações guardadas

Sem comparações guardadas

Sem carros recentes

Página principalNotíciasDicas
Partilhar

Modelos híbridos de 2017

Com uma maior necessidade de reduzir emissões e cumprir as regras ambientais, os fabricantes apostam cada vez mais nas soluções híbridas.

Com uma maior necessidade de reduzir emissões para cumprir as cada vez mais apertadas regras ambientais, e com a tecnologia 100% elétrica ainda dispendiosa, os fabricantes apostam cada vez mais nas soluções híbridas, sobretudo de ligar à corrente. Eis as novidades do ano.

BMW 530e iPerformance

BMW 530e iPerformance

A nova geração da berlina de luxo da casa alemã apresenta-se com uma gama de motorizações completa, entre a quais não falta uma versão híbrida “plug-in”. E, combinando um motor elétrico e um motor TwinPower Turbo de 4 cilindros a gasolina, este BMW 530e iPerformance promete emoção a rodos. Em modo 100% elétrico, a marca avançou que o automóvel será capaz de cumprir até 46 km.

Hyundai Ioniq PHEV

Hyundai Ioniq PHEV

O híbrido e a variante elétrica chegaram ao mercado ainda em 2016, mas a proposta mais interessante da incursão ecológica da marca sul-coreana poderá ser a nova motorização híbrida “plug-in”, a ser lançada no verão. Alimentado por uma bateria de 28 kWh, o sistema híbrido do Hyundai Ioniq contará com um propulsor a gasolina de 1.6 litros com 106 cv e com um motor elétrico de 44 cv. O modelo terá uma autonomia de 50 km para rolar em modo 100% elétrico.

KIA Niro PHEV

KIA Niro PHEV

O sistema é em tudo parecido com o Ioniq da marca parceira Hyundai, mas este aposta na orientação ecológica enquanto investe no segmento que mais cresce, o dos SUV. Para já, o Kia Niro foi apresentado com um sistema híbrido - um motor a gasolina de 1.6 litros e um elétrico que debitam 141cv - e, no verão, chegará também a versão de ligar à corrente, que cumprirá 50 km em modo 100% elétrico.

Kia Optima SW PHEV

Kia Optima SW PHEV

A nova geração da carrinha do segmento D mostra bem como a Kia está determinada em cumprir os padrões de exigência do mercado europeu. O bloco de maior sucesso é o diesel 1.7 CRDi de 141 cv, para já a única motorização em Portugal, mas está prevista uma versão híbrida de ligar à corrente, apoiada por um motor gasolina 2.0 e um elétrico. Em conjunto, prometem uma potência de 205 cv e uma autonomia 100% elétrica de 50 km.

Lexus IS 300h

Lexus IS 300h

Já em comercialização, o Lexus IS 300h aponta aos veículos premium, apostando num sistema híbrido que promove a eficiência, sem descurar a performance, com um motor a gasolina de 2.5 litros e um motor elétrico. A média de consumos começa nos 4,3 l/100 km, dependendo do tamanho das jantes, e as emissões de CO2 fixam-se entre os 99 e os 107 g/km.

Mini Countryman S E Hybrid

Mini Countryman S E Hybrid

Trata-se da primeira aventura híbrida da Mini, mas tem tudo para correr bem, até porque o sistema escolhido já foi testado pela empresa irmã BMW: um motor tricilíndrico 1.5 turbo associado a um motor elétrico, com baterias que podem ser carregadas numa tomada elétrica. A autonomia 100% elétrica do Mini Countryman S E ALL4 estará disponível para circular até 40 km.

Mitsubishi XR-PHEV

Mitsubishi XR-PHEV

Há dois anos fez furor em Genebra quando foi apresentado o concept. Este ano está de regresso ao mesmo salão, mas já com o modelo de produção em série. Trata-se de um novo SUV compacto, com menos de 4,5 metros de comprimento, que usa a tecnologia PHEV estreada com o Outlander. No caso deste, a autonomia para circular em modo elétrico supera os 50 km.

Toyota Prius PHEV

Toyota Prius PHEV

Este ano, o modelo icónico entre os híbridos foi revisto e surge com uma nova motorização híbrida plug-in que se distingue do híbrido pela grelha, faróis e luzes diurnas. O Toyota Prius Phev combina o mesmo bloco gasolina 1.8 litros do híbrido com um motor elétrico diretamente ligado às rodas dianteiras. A autonomia elétrica atinge os 50 km.

Volkswagen Golf GTE

Toda a gama Golf será revista este ano. No caso do Golf GTE, cuja comercialização deverá arrancar em Maio, a declinação plug-in híbrida chega com 50 km de autonomia elétrica e uma autonomia total de quase 900 km. O modelo serve-se de um bloco a gasolina de 1.4 litros e uma potência de 147cv, que se associa a um motor elétrico com 100 cv.

Partilhar

Artigos Recentes

PUB
PUB

Descubra já o preço do seu carro novo ou usado

  • Citadino

  • Utilitário

  • Sedan

  • Carrinha

  • Monovolume

  • SUV/TT

  • Desportivo/Coupé

  • Cabrio

  • Luxo

  • Híbrido/Eléctrico

PUB

Encontre o Seu Próximo Automóvel

Procurar