Volante SIC
Página principalNotíciasDicas
Partilhar

Prepare o seu carro para o mau tempo

O Inverno está a chegar e, com ele, condições mais adversas para a condução automóvel. Este é o momento certo para nos prepararmos para o que se avizinha.

Tal como as pessoas, os automóveis também se devem preparar para a chuva e mau tempo, principalmente os veículos mais antigos, que necessitam de maiores cuidados preventivos. Agora que o bom tempo está a chegar ao fim é o momento de se tomarem precauções para evitar futuros dissabores.

Existem dois tipos de cuidados a ter na manutenção dos carros: os respeitantes ao funcionamento e parte mecânica e os referentes à pintura, materiais do habitáculo e dispositivos de conforto e vida a bordo. Os primeiros são os mais importantes, pois deles dependem a segurança dos veículos e a minimização de acidentes.

Mecânica e componentes de funcionamento

Pneus

Tantas vezes desprezados, são o único ponto de contacto entre o carro e o solo. Válida para todo o ano é a verificação mensal e correção da pressão dos pneus, inspecionando-os visualmente para detetar anomalias. O rasto dos pneus deve ter um mínimo de 1,6 mm de profundidade e o desgaste deve ser uniforme. Embora a vida útil dos pneus possa chegar aos 60.000 km, se tiverem mais de 6 anos devem ser substituídos, mesmo estando legais e com menos quilometragem (os materiais degradam-se com o tempo e isso tem influência direta nas performances). Se os pneus tiverem desgaste irregular e/ou sentir anomalias na condução, podem ser sintomas de direção desalinhada ou rodas a necessitarem de equilibragem.

Travões e suspensão

Com chuva e piso escorregadio, o bom funcionamento dos travões é essencial. Este é o momento de visitar o mecânico e pedir-lhe para verificar o sistema de travagem, principalmente as pastilhas e o nível do fluido dos travões. Os amortecedores duram em média entre 80 mil e 120 mil quilómetros. Se sentir perda de aderência do carro, com este a saltitar, e aumento de distância de travagem, isso pode ser um sinal de que deve substituir os amortecedores.

Bateria

A sua vida útil é 4/5 anos e é no Inverno que se exige mais dela. Por isso, se já for antiga, agora é o momento de ir a uma oficina verificar a sua capacidade e, se necessário, substituí-la.

Óleo

Respeitar os intervalos de mudança preconizados, verificar o seu nível. Mudar filtros de óleo e de ar se necessário.

Materiais e equipamentos

Escovas de limpeza dos vidros

No Verão, com temperaturas elevadas, as borrachas podem ficar ressequidas e deixarem de funcionar com eficiência, algo que é essencial em dias de chuva intensa.

Lâmpadas

Não há um prazo de validade estipulado, mas quando se aproximam dias mais escuros é ainda mais importante verificar se estão a funcionar, se os faróis estão nivelados e com intensidade luminosa idêntica.

Riscos na pintura e danos na chapa

Devem ser corrigidos quanto antes para evitar que aumentem e apareça ferrugem, potenciada como as humidades e dias invernosos.

Plásticos, borrachas e pele

Estes materiais ficam ressequidos com o calor no interior do carro durante o Verão (superior à temperatura no exterior devido ao efeito de estufa). Por isso, além de os proteger com palas tapa-sol (em particular nos meses quentes), devem ser hidratados com produtos específicos, evitando que abram rachas e, no caso das borrachas, deixem de ser estanques e isolantes.

Ar condicionado

É no Verão que é mais útil, mas no Inverno também desempenha um papel importante na melhoria da visibilidade, evitando o embaciamento dos vidros com tempo húmido, por exemplo. Por isso, se o ar condicionado não estiver a funcionar em condições, não espere pelo próximo Verão para o recarregar.

Partilhar

Artigos Recentes

PUB
PUB

Descubra já o preço do seu carro novo ou usado

  • Citadino

  • Utilitário

  • Sedan

  • Carrinha

  • Monovolume

  • SUV/TT

  • Desportivo/Coupé

  • Cabrio

  • Luxo

  • Híbrido/Eléctrico

PUB
;