VolanteSIC
Fechar

Os meus Carros

Comparações guardadas

Sem comparações guardadas

Sem carros recentes

Página principalNotíciasEnsaios
Partilhar

Ensaio Opel Insignia: requinte para dar e vender

O Insignia, introduzido em 2008, é uma aposta ganha mas que ainda tem muito para dar. Nesta nova geração assume uma veia ainda mais premium.

Opinião Geral KBB

Não foi difícil para o Insignia encontrar o seu lugar num segmento em que as marcas "premium" são ferozes: a qualidade de construção, o design elegante e a inclusão de vários mimos fizeram da geração de 2008 um sucesso. No entanto, ainda lhe parecia faltar algo para atingir o requinte de um verdadeiro "premium". Nesta 2.ª geração, o modelo topo de gama de Rüsselsheim prova que há sempre por onde melhorar, surgindo mais maduro e certo do seu caminho, podendo usar termos como "elegância" e "requinte" nos seus cartões de visita. Já as motorizações que lhe dão vida primam pela eficiência e bons desempenhos.

Ensaio Opel Insignia traseira

Vai gostar deste carro se...

Se procura um carro que transmita status, mas que também privilegie o conforto (os bancos certificados pelo AGR são de nova geração, com várias regulações) e a fiabilidade, o Insignia pode ser para si.

Pode não gostar deste carro se...

Procura um carro que imprima dinamismo ao seu dia a dia e prefere emoções fortes a poupar na hora de abastecer? Então deve procurar outro modelo.

Condução

Ensaio Opel Insignia frente

Relaxante, segura e fiável. Sem nenhuma surpresa, o Insignia traz tudo o que de melhor oferece a tecnologia alemã da Opel, revelando-se suave e certo em qualquer traçado. E muito silencioso, sobretudo no nível Innovation que inclui um pacote acústico com melhores isolamentos. O calcanhar de Aquiles poderá ser o comportamento demasiado certinho, sem lugar a grandes emoções. Mas a Opel é honesta e não destaca tanto o comportamento dinâmico, mas antes a eficiência. E esta é inquestionável: a bordo do Grand Sport 1.6 Turbo D e mesmo sem grandes cuidados conseguimos andar em linha com os consumos anunciados (a marca avança com uma média de 4,0 l/100 km e o nosso registo ficou apenas ligeiramente acima).

Características favoritas

Head up display

A sobriedade e arrumação dos vários comandos no tablier são verdadeiros feitos bem conseguidos. No entanto, é possível equipar o carro com um muito funcional "head up display" que projeta no vidro do para-brisas várias informações: velocidade, distância do carro à frente, sinais de trânsito, etc..

Ensaio Opel Insignia interior

Iluminação

É uma nova assinatura luminosa, mas sobretudo uma mais-valia no que diz respeito à segurança. A IntelliLux LED, em matriz de LED, melhora a visibilidade, sobretudo em percursos sinuosos, nos quais uma nova função aumenta a intensidade dos LED seguindo o ângulo da direção. Em linha reta, a luz é projetada até 400 metros.

Estética

Ensaio Opel Insignia ótica traseira

Por fora, o que mais se evidencia são as formas assumidamente esculpidas que realçam a elegância de uma geração que surge mais leve, baixa e larga. Já os interiores, onde sobressaem as linhas simples e a utilização de materiais de boa qualidade e suaves ao toque, primam pelo espaço, para ocupantes e respetivas bagagens: 490 litros na mala que pode crescer até aos 1450.

Equipamento de série

Ensaio Opel Insignia espaço mala

Mesmo na versão mais básica, o Insignia apresenta-se extremamente bem equipado, provando que é possível entrar numa guerra com os "premium" do segmento em que se insere: assistente ao arranque em subidas, programador de velocidade com limitador, travão elétrico, acesso e ignição sem chave, sistema de câmara Opel Eye (deteção de veículos, travagem autónoma de emergência, alerta de saída de faixa com correção autónoma, alerta de colisão iminente e indicador de distância para o veículo da frente), Apple CarPlay e Android Auto, ar condicionado automático, volante em couro (ajustável em altura e profundidade), espelhos exteriores aquecidos e de regulação elétrica. Há ainda mais três níveis de equipamento: o Business Edition junta jantes em liga leve de 17'', Opel OnStar, sensores de luz e chuva e comutação automática médios-máximos; o Selective acrescenta faróis de nevoeiro, bancos forrados a couro e tecido, sendo o do condutor de regulação elétrica. Por fim, o Innovation oferece faróis de matriz LED, painel de instrumentos digital, câmara traseira, ar condicionado de duas zonas e vidros traseiros escurecidos.

Por baixo do capot

Ensaio Opel Insignia motor

Da gama para o mercado português fazem parte o novo 1.5 Turbo ECOTEC, a gasolina, em dois níveis de potência, de 140 e 165 cv, com o último a poder ser conjugado com uma caixa automática de seis relações. A gasóleo, a Opel oferece três motorizações: 1.6 Turbo D ECOTEC de 110 cv, 1.6 Turbo D com 136 cv e 2.0 de 170 cv - os dois últimos podem ser acoplados a uma transmissão automática, o primeiro a uma de seis velocidades e o segundo a uma nova de oito relações.

Partilhar

Artigos Recentes

PUB
PUB

Descubra já o preço do seu carro novo ou usado

  • Citadino

  • Utilitário

  • Sedan

  • Carrinha

  • Monovolume

  • SUV/TT

  • Desportivo/Coupé

  • Cabrio

  • Luxo

  • Híbrido/Eléctrico

PUB

Encontre o Seu Próximo Automóvel

Procurar